Rádio Cenecista de Picuí

quinta-feira, 8 de junho de 2017

Policiais do 9º BPM prendem acusados de praticarem delitos em Nova Palmeira

Soldados Josuel e Moura conseguiram deter dois suspeitos de roubos em Nova Palmeira
Foto: Divulgação
Alisson e Talisson (Tatalo) foram encaminhados à delegacia de Picuí
Nessa terça-feira, dia 7 de Junho de 2017, a guarnição da Rádio Patrulha do Destacamento de Nova Palmeira, pertencente ao 9° BPM, composta pelos soldados Josuel e Moura, após tomarem conhecimento de dois furtos a duas motos e um roubo a um comerciante aqui da cidade nos dias 02 e 05, sexta e segunda-feira, respectivamente, onde desse comerciante foi subtraído a quantia de R$ 2.000,00, passaram a realizar incansavelmente rondas pela cidade e colher informações com alguns moradores, sobre algumas características de suspeitos que possivelmente circulavam pela cidade.


Com informações de alguns transeuntes, foi informado a guarnição que, nos locais dos furtos, por várias vezes, foi avistado por lá, o ex-presidiário, Alisson Marcos Alexandre de Castro, conhecido por praticar vários atos ilícitos pela região. Diante dos fatos, a guarnição continuou as rondas e encontrou em um bairro da cidade nova-palmeirense, o suspeito Alisson Marcos, 18 anos.

Quando abordado, ele confessou que realmente tinha praticado os furtos, inclusive devolveu a guarnição duas carenagens da Pop 100, uma das motos que tinha furtado, e na sua posse a quantia de R$ 900,00. Ao ser perguntado se o mesmo também estava envolvido no roubo do dinheiro, relatou que não, mas a quantia com ele encontrada era parte do ilícito, que não tinha sido praticado por ele, mas pego por empréstimo ao ator do roubo, que relatou ser o Talison Silva de Macedo, vulgo: Tatalo, da cidade de Picui, esse, frequentemente está na cidade de Nova palmeira.

Após essas informações, os dois foram levados à delegacia de Picuí e apresentados ao delegado para que fossem tomadas as devidas providências cabíveis.

Ascom

Para postar um comentário:

“É livre a manifestação de opiniões, sendo vedado o anonimato”

Nenhum comentário:

Postar um comentário