Rádio Cenecista de Picuí

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Jovem é preso suspeito de matar empresária durante assalto em CG

Testemunhas do crime confirmaram à polícia que foi ele quem disparou os tiros. Caso aconteceu no sábado, véspera de Natal
Reprodução/TV Correio
Imagens mostram suspeito correndo na direção da vítima
Um jovem de 24 anos suspeito de matar a empresária Célia Márcia Santos Cirne no sábado (24), em Campina Grande, foi preso pela Polícia Civil na noite dessa quarta-feira (28). Segundo a delegada Ellen Maria, da Delegacia de Roubos e Furtos, o suspeito foi localizado no bairro da Palmeira e reconhecido por duas testemunhas do crime. Ele está preso na Central de Polícia, no bairro Catolé.


Conforme a delegada, com base em depoimento das testemunhas, o homem preso foi quem disparou os tiros que mataram a empresária. Célia Márcia, de 69 anos, saía de um estacionamento na Rua Getúlio Vargas, no Centro, quando foi abordada por dois assaltantes, que efetuaram disparos contra a vítima. Ferida, a empresária perdeu o controle do veículo, que bateu em uma parede. Ainda segundo a polícia, a bolsa e outros objetos da vítima foram levados pelos bandidos. 

Empresária foi vítima de assakto
(Imagem compartilhada no WhatsApp)
Ainda de acordo com a delegada Ellen Maria, o suspeito preso nessa quarta-feira será encaminhado para audiência de custódia, que definirá se ele pode responder pelo crime em liberdade ou se será levado para um presídio. A polícia não divulgou se arma e veículo usado pelos suspeitos no crime foram localizadas.

Célia Márcia Santos Cirne era irmã do presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN), desembargador Cláudio Santos.

Portal Correio

Para postar um comentário:

“É livre a manifestação de opiniões, sendo vedado o anonimato”

Nenhum comentário:

Postar um comentário